1 de out de 2009

Evento se preocupa com a sustentabilidade ambiental e gera retorno para o meio ambiente.



Oi MEGARAMPA planta 288 árvores para ajudar na restauração da Mata Atlântica
Iniciativa acontece para compensar o carbono emitido com o evento realizado no final de semana, no Sambódromo do Anhembi
São Paulo (SP) – Compromisso assumido, compromisso cumprido. As empresas organizadoras – Brasil1 Esporte, MaxSports e Zoobamboo do Brasil – da Oi MEGARAMPA 2009, ocorrida no último final de semana, no Sambódromo de Anhembi, em São Paulo, se prontificaram a compensar o carbono (CO2) emitido com a realização do evento e já estão prontos para cumprir a promessa.Em levantamento feito seguindo a norma ISO 14064 chegou-se ao cálculo de que foram emitidas 89,8 toneladas de gases durante a competição da mais nova e radical modalidade do skate e também do bicicross, que reuniu 17 atletas – 15 skatistas e dois bikers. O brasileiro Bob Burnquist foi o bicampeão no skate, enquanto os norte-americanos Kevin Robinson e Anthony Napolitam dividiram o primeiro lugar no BMX.Para compensar o efeito desta emissão de CO2, ficou decidido, após a apresentação do Relatório de Sustentabilidade da Oi MEGARAMPA 2009, que serão plantadas 288 árvores na bacia do Rio Piraí, no corredor florestal Tinguá-Bocaina, contribuindo para a restauração da Mata Atlântica no Estado do Rio.Esta não foi a única ação de sustentabilidade desenvolvida durante os dias em que as manobras radicais levou um público aproximado de 20 mil pessoas à passarela do samba paulistano. Entre as outras atividades socioambientais promovidas no evento está a utilização de madeira com o certificado FSC (em inglês Forest Stewardship Council), que garante a origem legal da madeira proveniente de áreas de manejo florestal, na construção da pista e na confecção dos troféus.Também foi doada toda a lona "Sanet” e de vinil – um total de 4 mil m2 - usadas na sinalização e cenografia do evento para o Projeto Arrastão. Essa ONG trabalha com jovens carentes da periferia de São Paulo e utilizará este material para a fabricação de bolsas e acessórios. Vale lembrar que todo resíduo não orgânico gerado pelo evento foi encaminhando para reciclagem.Apoio ao novo acordo global do clima - Bob Burnquist, conhecido por seu engajamento em questões socioambientais, firmou, diante das dez mil pessoas que lotaram as arquibancadas do Sambódromo do Anhembi no domingo, seu nome no abaixo assinado promovido pela ONG WWF Brasil, para pressionar os governos mundiais a se posicionarem a favor de um novo acordo global de clima. A discussão sobre o tema acontecerá na 15ª Conferência das Partes da Convenção Quadro de Mudanças Climáticas da ONU, em dezembro, na cidade dinamarquesa de Copenhague. A ação faz parte da campanha denominada de TicTacTicTac, movimento global liderado por ONGs de diversos países que se dedicam a combater o aquecimento global, incluindo a WWF-Brasil. A ONG conseguiu, no Sambódromo do Anhembi, 1.300 assinaturas apoiando o movimento. A Oi MEGARAMPA teve o patrocínio da Oi, co-patrocínio de Hawaiian Dreams (HD), Nescau e TNT e supervisão técnica e apoio da Confederação Brasileira de Skate. O evento foi uma realização da Brasil1 Esporte, da MaxSports e da Zoobamboo do Brasil em parceria com a Prefeitura de São Paulo e a Secretaria Municipal de Esportes.Siga a ZDL no Twitter: http://twitter.com/ZDL_assessoriaRoberto Pierantoni – MTb.: 18.194E-mail: piera@zdl.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário