15 de fev de 2011

TERCEIRA EDIÇÃO DA MEGARAMPA CONFIRMADA PARA JULHO


Maior evento de skate do País ocorre no Sambódromo do Anhembi com a presença das maiores feras do esporte

São Paulo (SP) - A terceira edição da Megarampa, maior evento de skate brasileiro, ocorre nos dias 01 a 03 de julho, no Sambódromo do Anhembi, na capital paulista. O anuncio foi feito nesta terça-feira depois de assinatura de convênio entre a Brasil1 Esporte, empresa que organiza a Megarampa, e a Secretaria Municipal de Esportes de São Paulo. "É uma honra fazer parte desta festa, que eu considero um marco para o skate mundial. É uma das modalidades mais praticadas pela garotada e está cada vez mais presente no dia-a-dia das pessoas", ressalta Enio Ribeiro, diretor da Brasil1 Esporte.



A Megarampa brasileira é a única instalada no Hemisfério Sul. A pista tem mais de 100 metros de extensão e quase 30 metros de altura - equivalente a um prédio de nove andares. Para montar toda a estrutura no sambódromo do Anhembi, a Brasil1, responsável pela realização do evento, precisará de dez dias.



Por telefone, direto da Austrália, onde disputa uma competição neste final de semana, o skatista Bob Burnquist participou da reunião para confirmar a realização do evento. "Estou muito feliz com a volta deste show. Não vejo a hora de retornar a São Paulo e andar na pista outra vez", comemora Bob Burnquist, bicampeão do evento.



Mais de 20 mil pessoas assistiram a última edição nas arquibancadas em 2009. "A Megarampa tem a cara de São Paulo, uma cidade rápida, com estatura e disposta a enfrentar suas barreiras e conflitos. É um exemplo de inclusão para o Brasil e para o mundo, principalmente pelo envolvimento da juventude", destaca o secretário municipal de Esportes Walter Feldman. A maior cidade da América Latina tem mais de 100 pistas públicas de skate, segundo recente pesquisa.



O mercado brasileiro de produtos relacionados à modalidade perde apenas para o dos Estados Unidos. Por isso, o presidente da Confederação Brasileira de Skate, Marcelo Santos, aposta no sucesso do público, mais uma vez. "O skate é um estilo de vida que se comunica com o jovem, tem facilidade de penetração e pode ser classificado como instrumento de inclusão social. Unir tudo isso a uma rampa enorme é um fato espetacular", relata com orgulho Marcelo Santos.



O coordenador de esportes radicais da Prefeitura de São Paulo, Thiago Lobo, acredita também que a Megarampa é uma ferramenta para fomentar o skate como forma de inclusão social na cidade. "São Paulo é a capital brasileira de esportes radicais, apesar da geografia. A ideia é apoiar os profissionais e os skatistas amadores. Além disso, esse grande evento coloca a capital paulista em evidência no mundo todo", conclui Lobo.



A Megarampa tem supervisão técnica e apoio da Confederação Brasileira de Skate. O evento é uma realização da Brasil1 Esporte em parceria com a Prefeitura de São Paulo e a Secretaria Municipal de Esportes.





Fonte
Flávio Perez - Mtb.: 45562
zdl.com.br
ZDLcomunica

Nenhum comentário:

Postar um comentário